20 de julho de 2009

Sou de facto o Diabo

Pensamos, em geral, em termos da nossa sensibilidade, e por isso tudo se nos volve num problema do bem e do mal; há muito que eu mesmo sofro grandes calúnias por causa dessa interpretação. Parece não ter ainda ocorrido a ninguém que as relações entre as coisas ― supondo que haja coisas e relações ― são complicadas demais para que algum deus ou diabo as explique [...].

F. Pessoa, A Hora do Diabo, Assírio & Alvim

19 comentários:

Fräulein Else disse...

http://www.oespacodotempo.pt/pt/prog.php?idpan=pro_det&recid=464

Erwin Olaf em Portugal :)

Fräulein Else disse...

Ah! O Mappelthorpe aqui ao lado! ;D

Tiago r disse...

Deve ser porreiro, obrigado! Pena não ser mais perto... Talvez dê por lá um pulo :)

Gira, a do Mapplethorpe aqui ao lado, não é? ;)

Aveugle.Papillon disse...

Sim, eu quero ir, ainda por cima ao fds é até à meia-noite. :)

Tiago r disse...

É sempre até à meia-noite :) Aos fins-de-semana começa é mais cedo. E depois da exposição, é copos ;) Tendo em conta que vou ficar o verão preso a trabalhar, a algum lado terei de ir. Logo se vê

E acho q o pernadas vai tocar hoje à trama. Estou à espera de receber um mail da livraria a confirmar se é ele q vai lá tocar e se ganhei o bilhete para entrada. Se quiseres, a resposta é (ehehehe): pj harvey e o n.º de BI ;) (grande sabotagem eheh, espero q eles ñ leiam isto)

Aveugle.Papillon disse...

Ah que engraçado :) Pois, n poderei ir, saio tarde e ainda tenho um trabalho para entregar, pelo que tenho de estudar logo.

Se fores, dá um abraço ao B. por mim!

Aveugle.Papillon disse...

Pois, só q eu só posso ao fds, q durante a semana trabalho. Por isso só reparei no horário de fds. :)

Tiago r disse...

Confirmado, é ele. Devo ir, sim, será entregue :)

Tiago r disse...

Ñ tinha reparado q ñ tinha aceite um comentário teu, este último teu. Tenho de disponibilizar o modo de publicação automática de comments...

Tiago r disse...

O B. toca realmente bem guitarra. Se eu voltar a decidir ter aulas de guitarra, vou pensar nele.

Entreguei-lhe o teu abraço, e ele: «Ah é?! Mas, um abraço? Estes filósofos!» eheheh Comentário risível, mas ficou contente! :)

Aveugle.Papillon disse...

Ahahah! :D

J Francisco Saraiva de Sousa disse...

Um texto de F. Pessoa. :)

Não cheguei a responder ao seu comentário por causa da Pappilon, mas fiquei surpreendido com o vosso diálogo. A temática das diferenças sexuais está na ordem do dia: uma estrutura biológica pode revestir muitos aspectos determinados culturalmente, mas ela permanece constante. E, ao contrário do que sugere Pessoa, pode ser explicada. Penso que as pessoas e as relações podem ser compreendidas e explicadas. :)

Aveugle.Papillon disse...

Claro que n podem. Essa sua pressuposição é absolutamente diabólica, mefistofélica. Em limite, nada pode ser "explicado" - aliás, mesmo este mito da "explicação" deve ser ele próprio desmascarado, pois n passa de uma tradução tautológica.

Concordo com Pessoa. É para isso que os poetas nascem, como profetas, para nos darem a luz. :)

Além disso, o que é isso de "estar na ordem do dia"?? A ciência tb pode ser ideológica, ou acha que esta tendência hodierna para o determinismo é "puramente" baseada em evidências científicas?

J Francisco Saraiva de Sousa disse...

Determinismo? Bah... a Papillon diz cada coisa mais disparatada... blablabla... :D

Aveugle.Papillon disse...

Claro que digo disparates! Eu n tenho medo de errar, como Miles Davis nos ensinou. N me interessa essa "verdade" que procura que é duplamente falsa e difamatória por não saber que o é.

E parabéns, porque agora faz "bonequinhos" novos.

J Francisco Saraiva de Sousa disse...

^~^ U_U

Tiago r disse...

eheheh

sim, «explicação» deve ser de uso quotidiano, por que filosófica e cientificamente parece querer entrar pelo campo do dogma. E a ciência e a filosofia querem lá isso! Mas compreendo o que o Francisco quer dizer (a menos que me esteja a falar de uma explicação final), mas enquadro-me mais na visão que a Else dá.

Eh pá, já tenho uma discussão vossa no meu blog! É a primeira, acho :D

Ah, F., ali a foto do Mapplethorpe está linkada para si (talvez devesse ter colocado lá uma nota...)

J Francisco Saraiva de Sousa disse...

Ah, já tinha reparado no Mapplethorpe. Boa escolha! Também adicionei alguns vídeos dele: muito giros e num deles fala da sua fotografia. :)

J Francisco Saraiva de Sousa disse...

Não sou finalista, claro. :) As diferenças sexuais - morfológicas, fisiológicas, etológicas, psicológicas e cognitivas - são reguladas genética e neuro-hormonalmente. Os mecanismos da determinação sexual primária e secundária e a diferenciação sexual do cérebro e do comportamento controlam e determinam essas diferenças, que também se reflectem na configuração estrutural e funcional das proteínas. Estes bioconstrangimentos não são muito maleáveis; no entanto, há nalguns aspectos morfológicos e comportamentais espaço para a aprendizagem e a liberdade. :)